Um Pequeno Conto

5 de outubro de 2014

Entrevista com Lolita : Brolita Miyuki-Chan

Oi gente linda e cheirosa. Mas uma vez o Motivo de eu estar desaparecida do blog é o de sempre... o trabalho que consome minha vida.

Estou voltando & inaugurando uma Tag nova, a "Entrevista com Lolita",  com objetivo de conhecer melhor as diferentes realidades das Lolitas do nosso  grande Brasil. Para o post de abertura convidei uma pessoinha linda de morrer, que está ganhando nossos corações com seus lindos outfits. Espero que vocês gostem da entrevista e se divirtam.

UPC( Um Pequeno Conto): Muitíssimo obrigada por aceitar me conceder essa entrevista ela vai ser muito importante para o Blog e para os leitores. 

Miyuki: Eu quem agradeço pela oportunidade de falar um pouco mais sobre mim e por ajudar de alguma forma!

UPC: Conta pra gente... quem é você, onde mora, quantos anos tem, o que faz da vida, onde trabalha, tem animais de estimação? Queremos conhecer a pessoa por trás dos outfits.

Miyuki: Bom, na verdade me chamo Gustavo, mas quando o assunto é Lolita, prefiro que me chamem de Miyuki. Eu trabalho com informática, caçando bugs em programas e nas horas vagas eu cuido do meu blog, e faço minhas lolitagens ^^.
Eu moro no Rio Grande do Sul. Temos uma cadelinha aqui em casa, ela se chama Laurinha (na verdade ela é da minha mãe). Bom, não sou bom em falar de mim, mas acho que sou uma pessoa um tanto tímida e reservada, porém quando precisa deixa de lado a timidez. Eu tento sempre ser uma pessoa simpática e divertida com todos que conheço. Gosto de música, de natureza, da cultura japonesa e de coisas bonitas, e entre elas está a moda Lolita ^^


UPC: Como você conheceu a Moda Lolita e quando e decidiu que queria ser um Brolita?

Miyuki: Eu conhecia a moda lolita apenas de vista e achava linda, mas eu não entendia nada e eu achava que usá-la estava fora de qualquer possibilidade! Felizmente em 2013 fiz algumas amigas que eram Lolitas, e me encantei ainda mais por esta linda moda! Participei de alguns meetings e passeios com junto com elas, que sempre foram simpáticas comigo, mas participava apenas como acompanhante mesmo. Até que um dia eu disse que queria usar a moda também, então elas me apoiaram e disseram que adorariam que eu entrasse para o grupo Roriita RS!

Me sugeriram seguir o Boy Style, mas apesar de achar lindo este estilo, passou um tempo eu não tive vontade de usar ele. As meninas também me contaram que existiam os 'Brolitas', e  ai eu me animei mais, pois no fundo o que eu queria mesmo era ser uma Lolita e usar lindos vestidos! >.< 

Porém no começo fiquei com medo de qual seria a reação delas e dos amigos e se daria certo, mas revelei mesmo assim a minha vontade de fazer algo diferente e tive total apoio da minha amiga e madrinha Suki, que me ensionou mais sobre a moda e tive o apoio de minhas outras amigas Lolitas, e assim resolvi enfrentar os meus medos e realizar este sonho! E não me arrependo nem um pouco, pois valeu muito à pena!


UPC: Você usa o pseudônimo “Miyuki” que se eu não estou enganada é inspirado na personagem do Anime Miyuki in wonderland, qual a importância desse nome e o que ele representa pra você?

Miyuki: Na verdade meu nome não foi inspirado na personagem do anime, apesar de eu achar ela fofa e adorar a Alice, tanto que no blog achei legal fazer um trocadilho com o nome do anime e usar o tema. Mas na verdade o nome Miyuki foi idéia da  minha madrinha. Este nome japonês feminino tem vários significados de acordo com o kanji usado. Um dos significados que pesquisei na internet foi 'linda criança nascida em Março' e de fato nasci neste mês, então acho que este nome combinou! Mas também existem mais significados, como Bela Felicidade, Beleza/Brancura da Neve, ou Boa fortuna entre outros lindos significados!




UPC: Como foi a reação dos seus familiares e amigos quando viram você usando seu primeiro outfit Lolita?

Miyuki: Da minha família apenas a minha mãe ficou sabendo. Apesar de ela não aprovar a idéia de início, ela achou que eu fiquei muito bem de Lolita. Para meus amigos, eu acho que foi uma grande surpresa, porém ninguém foi contra, pelo contrário, todos meus amigos elogiaram muito meu outfit e parabenizaram pela minha coragem!


UPC: No nosso país cheio de preconceitos e discriminação as pessoas pensarem “homem que se veste de mulher é gay”, dai começa o Bulling. Isso já aconteceu com você, como você passou por isso?

Miyuki: Ainda há muito preconceito aqui no Brasil sobre estes assuntos. Eu acho que todas as pessoas deveriam ter o direito de se vestir como gostam e fazer o que querem para se sentirem mais felizes, sem ter que sofrer a discriminação dos outros por conta disso. É triste ainda ver cenas de bulling, preconceito e  violência ainda hoje em dia, isso realmente me chateia muito.
Apesar do meu medo inicial ao andar na rua usando Lolita, mesmo na companhia de minhas amigas,  eu não sofri bulling, pelo contrário, ganhei elogios de desconhecidos e nos param para tirar fotos, até quando ainda estamos indo para o meeting. Mas se eu tivesse sofrido alguma agressão verbal eu não daria bola, pois estou me vestindo do jeito que gosto. Porém eu não me arrisco em usar Lolita na rua, sem a companhia das amigas pois acho que isso pode ser perigoso.



UPC: Você já passou por alguma situação inusitada quando estava usando Lolita?

Miyuki: Bom, acho que no começo muita coisa foi novidade para mim, usar cílios postiços, lentes, andar pelas ruas vestido como uma menina, salto alto e ainda mais com roupas um tanto chamativas apesar de lindas, na primeira vez foi bem diferente e complicado para mim! Porém agora já me acostumei, gosto bastante de andar assim e me sinto bem confortável em usar lolita por ai. Bom, eu tenho problemas com os banheiros, pois não sei qual deles usar sem me incomodar! Felizmente nos meetings que tenho ido tem um banheiro comum. Também não saio de casa já usando as roupas, sempre me arrumo na casa de alguma amiga ou no local do meeting, o que pode ser bem difícil.

UPC: Agora tratando de questões práticas, você encontra dificuldades para encontrar peças para compor seus outfits?

Miyuki:Sim, eu encontro algumas dificuldades! Por exemplo, tenho muita dificuldade em encontrar sapatos confortáveis para meu pé (número 40!) e as blouses principalmente, pois em alguns casos elas ficam um pouco curtas e apertadas! De resto até que eu não tenho dificuldades para encontrar os itens necessários, pois basicamente são os mesmos que qualquer lolita usa, apenas verifico as medidas que se enquadram ao meu corpo.

UPC: Qual o seu outfit favorito, você pode nos mostrar uma foto e dizer o por quê?

Miyuki: Eu gosto muito de Gothic e Classic. Acho que meu Outfit favorito ainda é o meu primeiro, pois além de ele ter ficado muito bonito em mim, acho que ficou tão bom que demorou até eu conseguir montar um tão bonito quanto ele. 


E usar este Outfit no meu debut foi muito especial, então eu lembro até hoje de quando usei ele. Caprichei o máximo que eu pude para que ele ficasse bonito, tanto para mim quanto para quem estivesse me vendo de Lolita pela primeira vez.

UPC: Como você se sente quando usa Lolita?

Miyuki: Para mim é muito lindo e mágico usar Lolita, parece que estou dentro de um conto de fadas, acho que muitas lolitas devem sentir o mesmo também! A minha auto estima aumentou bastante depois que comecei a usar Lolita, então foi muito bom para mim. E também é muito divertido me vestir assim e encontrar com as minhas amigas para conversar, tirar fotos e se divertir. Sempre me alegra muito estar junto delas e usar Lolita, isto me faz muito bem!


UPC: Que dica você deixa para os rapazes que sentem vontade de usar Lolita mas estão receosos por causa do preconceito e  da reação das pessoas?


Miyuki: A dica que eu posso dar é: tenham coragem meninos e usem Lolita! Mas primeiramente, se informem bastante sobre a moda em sí antes de montar o primeiro outfit, pois acho que se você vai se comprometer a usar Lolita, tem que saber ao menos o básico não é? Participar também de meetings antes para ir aprendendo e perder o medo dos outros. Tentem também encontrar uma madrinha ou amigas Lolitas que te auxiliem e te acompanhem por aí, pois isto ajuda muito!








Se você gostou da entrevista da Miyuki-Chan aqui em baixo ficam os canais dela nas redes sociais. Se você tem alguma pergunta sobre Brolita ou outra pergunta que você gostaria de fazer a ela sobre esse assunto é encaminhar deixar ai nos comentários.

Muito obrigada por terem visitado o blog, me desculpem pelas ausências mas por enquanto eu não tenho como remediar essa situação, o trabalho realmente está sugando minhas forças vitais e nas horas vagas eu tenho disposição para me concentrar no blog, infelizmente mas tentarei me esforçar mas.

31 de agosto de 2014

Quero ser uma Lolita, e agora o que eu faço? I

Oi Gente Linda

Estou escrevendo esse post tem algum tempo, espero que ela seja útil a todos aqueles que estejam interessados em adentrar na Moda Lolita ou mesmo conhecer um pouco mas sobre ela.

Muitas pessoas me procuram pedindo dicas de como iniciar na Moda Lolita, eu fico muito feliz em poder ajudar, mas toda vez que isso acontece eu tenho que pesquisar no google e repassar os links de blogs com informações confiáveis, então resolvi resumir o meu trabalho, o objetivo não é escrever um post autoral falando sobre os vários estilos de Lolita ou sobre tecidos e essas coisas, até por que já tem artigos aos montes assim na internet, mas sim fazer um único post com todas as indicações de artigos confiáveis que eu consegui reunir.


Então, respondendo a pergunta do título do post "Quero ser uma Lolita, e agora o que eu faço?"

Passo 1: Descubra primeiro o que é Moda Lolita.

Antes de sair por ai pesquisando imagens leia sobre o que é moda Lolita e veja se realmente é algo que te interessa ou é só uma empolgação de momento, apesar de serem artigos com ótimas informações o que você vai ler não são verdades absolutas então leia tudo com o senso crítico apurado.

Recomendo esses artigos nos seguintes blogs:

O que é Moda Lolita? No Kawaii Kei (Post)
Moda Lolita no Porcelain Doll (Post)
Revisando o que eu aprendi sobre Lolita no Midori Sakura

*Em um momento posterior leia também os outros post desses blogs.




Passo 2: Se enturmando na Comunidade Lolita.

AVISO!! Por favor pelo amor de ZAZÁ! NÃO, NUNCA, NUNCA, NUNCA! Vá na comunidade Moda Lolita BR e faça um post do tipo:

"Oi Mina-san meu nome é Neko Neko eu tenho 15 anos e sempre quis ser uma lolita, minha principal inspiração é a Misa Misa de Death Note vocês podem me ajudar?"


Eu sei que para você isso pode parecer inocente, mas se você fez isso, significa que você pulou o passo , ou seja a fase da pesquisa. Então eu vou te dar os links das páginas e comunidades mas me promete que você vai observar e ler antes de postar qualquer bobagem, leia as regras de cada comunidade, por quem em algumas as moderadoras são estupidamente grosseiras quando alguém posta algo indevido.

Vá até as comunidades, procure a comunidade especifica da sua cidade ou estado e descubra a data dos próximos meetings e comece a se planejar para ir a um, conhece pessoas.

Daily Lolita - Onde postamos fotos de nossos outfits.
Moda Lolita BR - Acompanhe as discussões nessa comunidade algumas são boas.
Cult Lolita -  Nessa comunidade você pode se apresentar e todos serão legais com você.
Japanese Fashion Blogs - Onde a maioria das meninas que tem um blog relacionado a moda japonesa compartilha as atualizações dos blogs.

Passo 3: Escolhendo o primeiro outfit.

Agora que você já sabe o que é, de onde veio, você precisa montar o seu primeiro outfit (é a forma frescurenta como nós falamos visual) , as palavras chave para que você consiga isso com sucesso são Pesquisa, Foco, Planejamento e Paciência.

 

Pesquise e escolha seu primeiro outfit, tenha foco, em um primeiro momento você vai querer tudo de todos os sub-estilos mas você deve se planejar para fazer compras eficientes e inteligentes ou você vai acabar gastando dinheiro em vão então tenha paciência jovem Padawan.

Esses artigos vão te dar dicas de como planejar de forma eficiente sua primeira compra:

Lolita Outfits Várias imagens que podem te ajudar a escolher um primeiro outfit
Tentando se organizar I no Arquivo Suit kingdom (Leia os posts dessa sequencia)
Passo 4: Se preparando para ir as compras.

Depois que você houver escolhido o seu primeiro outfit, você precisará se planejar para compra-lo, não tente montar  um algo com as peças do seu armário ou montar um outfit as pressas para participar de um evento ou meeting, vá "a paisana" se apresente, conheça pessoas faça amigos, dificilmente você terá no seu armário coisas que realmente se encaixam no estilo.

Ordem de compras:

1ª Sapatos: Eles são os que mas demoram para chegar, pois você vai precisar importar um sapato ou comprar algo da Lolitas Sales BR. Para o seu primeiro outfit não use sapatilhas ou melissas, compre um belo par de sapatos preto ou branco, se for possível compre um par preto e outro par branco, assim você terá sapatos suficientes para os seus primeiros outfits.


2ª Peça Base:  Por peça base eu me refiro ao seu vestido ou sua saia, independente da sub-divisão que você escolheu, eu te recomendo comprar ou uma saia ou um Jumper skirt que é um vestido de alças, essas peças vão te proporcionar uma possibilidades variação no futuro.

  
One Piece um Vestido com Mangas, Jumperskirt um Vestido de alças e uma saia, essas serão as pessas base do seu outfit.

3ª Anágua: Compre uma boa anágua de acordo com o modelo do seu vestido ou saia, um dois maiores erros que lolitas iniciantes cometem depois de fazer outfits usando sapatilhas  é o de não dar importância para as anáguas, sem volume na sua saia você pode estar usando o vestido mas lindo do mundo mas você não estará completa, a silhueta é a base do estilo lolita.

 
 
Anágua Cupcake                                  Anágua A-Line

Leia esse Excelente post para sanar todas as suas dúvidas em relação a anágua.
Leia esse Post para sanar todas as suas dúvidas sobre silhuetas.


5ª Blouse: Se você for usar um Jsk ou uma saia você precisará de uma blouse LOLITA, não um blouse lolitável, capriche no seu primeiro outfit, com o tempo você aprenderá a reconhecer peças de lojas comuns que servem para o estilo mas de início não tente essa alternativa.

Blouses Lolitas são diferentes de Camisas sociais comuns.

Posts sobre blouses em Lolita AQUI e AQUI.

6ª Meias: Pode ser uma meia calça branca comum, uma meia 3/4 fofinha ou uma meia soquete com renda na barra, o que você precisa entender é que são um item indispensável para o seu primeiro outftif, e são muito importantes para completar harmoniosamente o seu visual. Não encontrei nenhum link bom falando sobre meias em Lolita, mas dúvida vá de meias-calça lisa e branca fio 80 ou meia-calça rendada preta, dependo do sub-estilo e da cor da peça base as chances de erro são mínimas.


7ª Acessórios de Cabeça: Esses são os meus favoritos, por que são infinitas as possibilidades de coisas para você colocar na cabeça em Lolita, desde chapéus em formato de bolo até pequenos e delicados laços, tudo vai depender da temática do seu outfit e do seu poder de coordenar e da sua sanidade mental, por que pessoalmente eu não sou fã de pessoas que colocam sobremesas na cabeça.

 
   


Eu vou ficar devendo a vocês falar sobre acessórios, bolsas, maquiagem, penteados, bloomers e sobre onde comprar, esse post vai ficar para o domingo que vem por que estou realmente sem tempo para atualizar o blog com uma frequência maior por conta do trabalho que está me sobrecarregando.

Espero que tenham gostado caso queiram saber sobre algo mas específico por favor deixe nos comentários, beijos e até a próxima.

5 de agosto de 2014

Meeting Sailor: O dia da Cagada

Oi pessoas lindas do meu coração, como vai a vida?

Trago registros do Meeting Sailor que aconteceu em Manga city no último final de semana, como vocês podem perceber o título da postagem tem "nome e sobrenome" ao longo do post eu explico o porque. Primeiro quero expressar minha felicidade e o meus agradecimentos a todos que participaram desse encontro, foi o primeiro meeting temático que conseguimos realizar, apesar de todos os pesares.
Da esquerda para direita em cima: Juliane, Maya e Hannah
Da esquerda para direita em baixo: Samantha, Eileen e eu
Fotos por Lenon Silva
Então meus amados leitores "O dia da cagada" se justifica por que quase tudo que tinha para acontecer, aconteceu nesse bendito dia.

Depois de passar metade da noite perturbando a vida do Breno com história do Capeta, acordei com enormes olheiras no sábado e fomos nós dois na casa da Eileen pedir o corpo dela emprestado para a noite do pijama, o pai dela me assustou.

Primeiro a casa da Maya que é onde geralmente nos arrumamos para fazer bagunça e aproveitar a carona estava sem energia elétrica, a Maya foi se arrumar na casa do namorado e a Eileen iria pra lá pra ir de carona com ela, eu não poderia por que fiquei de ir para o meeting junto com a Rayme e levar a roupa dela que foi confeccionada no L'atelier Lolita e só ficou pronta no sábado de manhã.

Só que a Rayme não acordou, ela trabalhou a semana inteira na festa de casamento do irmão que foi na véspera do meeting e sábado ela estava simplesmente exausta e ainda precisava organizar a casa depois do casamento, por que nós iriamos para lá para a festa do pijama/comer o que sobrou do casamento.





Então eu fiquei sem carona, sem dinheiro pra táxi e sem companhia para ir de buzão na zueira. Fiquei muito frustrada e irritada em casa já tinha até desistido de ir, por que é impossível andar de lolita no transporte público de Belém.

Do outro lado da cidade na casa do namorado da Maya as meninas enfrentavam sei lá quantos infortúnios, desde o calor infernal que não deixa nem a maquiagem chegar no rosto antes de derreter até precisar colocar uma caixa de grampos inteira no cabelo pra segurar o penteado, enquanto segundo a Eileen eu estava com a minha "glicose anal". 

DECIDI IR PRO MEETING, depois de ter tentado travecar o Breno de Boy Style para ele me acompanhar ele desistiu de ir,  já eram quase 15h, o horário que nós marcamos para nos encontrar na Casa das 11 Janelas, arrumei cabelo e maquiagem, que virou suor no meu rosto na mesma hora, joguei minhas coisas dentro de uma bolsa gigante e parti para pegar o busão, no sol escandante com um espinha gigante na testa que eu resolvi espremer antes de sair de casa. Fomos o Breno e eu como dois doidos cantando ladeira acima, ele seguiu no bonde e eu desci do primeiro ônibus e estava quase chorando na ponto por causa da demora do ônibus quando passou um ônibus seletivo, daqueles todo confortável com ar condicionado, cortina nas janelas, poltrona reclinável e que ia pra perto de onde eu queria ir, entrei no busão.




Falei com meus botões: está frio né deixa eu colocar a minha blouse... se eu coloquei a blouse deixa eu vestis a minha saia, aproveitando que já estou de bloomer... por que eu não troco logo os sapatos... deixa eu colocar também e a minha anágua e eu estava pronta, em frente ao shopping todos passageiros desceram e fiquei apenas eu no ônibus quando pneu furou @_@

O motorista virou pra mim e perguntou:
- Pra onde tu tá indo?
- Pra casa das onze Janelas. - Respondi
- Já que o pneu furou e eu vou pra oficina lá perto eu te deixo lá.
-Obrigada moço *______*

E ele foi mesmo me deixar bem na esquina do lugar pra onde eu estava indo. Cheguei lá eram quase 17:30 achando que as meninas já haviam batido todas as fotos possível e imagináveis, só que a Maya levou a câmera descarregada, elas estavam contando com a minha câmera que eu não levei por que eu ia de ônibus e não tinha carregado as pilhas, o sol estava quase se pondo a Maya estava amaldiçoando o Lenon quando ele brotou do chão atrás de nós com sua linda câmera e sua habilidade para fotografar. Tivemos pouco menos de uma hora antes de o sol ir embora, mas foi divertido, pra caramba, depois disso fomos lá pra a Estação das docas.

Zuando a foto dasamiga porque é lecal xD
Você jovem venha para as forças armadas
Marinha, Exercito ou Aeronautica. 

Olhudinha mas chata do mundo.



 Boina: Ebay
Bolsa: Off Brand
Blouse: L'atelier Lolita
Saia: L'atelier Lolita
Meias: Bodyline
Sapato: Bodyline

Valeu muito a pena todo o estresse do dia para poder aproveitar o finzinho de tarde e a madrugada com essa galera, a noite terminou na casa da Rayme as 6 am do domingo depois de passar metade da madrugada tentando ligar o karaoke, só que essas fotos são muita queimação. Muito obrigada por terem acompanhado o post até aqui, beijos e vamos que vamos com esses segundo semestre.